quarta-feira, abril 27, 2005

Vinho - VI

Para variar um pouco, proponho que experimentem um vinho de uma casta que, sendo uma das actualmente mais famosas e de enorme sucesso em todo o mundo, presumo não seja conhecida pela maioria dos que frequentam a "cidade" deste Urso! Trata-se da casta Syrah, originária da região do Ródano, que produz um vinho de cor densa e um aroma bastante característico. Actualmente é produzida em locais tão díspares como a Austrália, a Argentina, o Chile ou Estados Unidos (Califórnia e Washington).

Podemos encontrar no Corte Inglês um vinho que em 2003 ganhou uma Medalha de Ouro no Challenge International du Vin (França) e que, relativamente ao preço (3,99€), é bastante acessível!
Trata-se do Mayoral (Jumilla - Syrah)




Com bom aroma e um pouco de "acidez", próprio da casta Syrah, este vinho passou quatro meses em barricas de carvalho americano e francês, até ficar suficientemente "redondo" e aromático (fruta vermelha, com notas de cacau e caramelo(digo eu), com taninos amplos e de carácter complexo). Deve servir-se entre os 16 e os 18º, para acompanhamento de carnes, assados e queijos curados!


Como proposta de produto nacional, um pouco mais caro (7,99€), posso sugerir o Syrah 2002 da Adega Cooperativa de Borba. Com cor granadina (romã) e aroma delicado de fruto verde e chocolate, tem taninos aveludados e final suave na boca.

Ainda um pouco mais caro (11,44€), temos o Syrah Tinto 2003 João Portugal Ramos. Um vinho excelente e complexo, com muita personalidade e algum volume.


Nota importante:
Convém referir que praticamente todos os "Syrah" são vinhos de considerável teor alcoólico (13,5 a 14%), pelo que convém deixar a chave do carro com alguém abstémio! ;)

sexta-feira, abril 22, 2005

Jejum ao fim de semana



Continuo sem net na nova caverna. Os tipos do ADSL/4MB dizem-me que só daqui a três semanas é que a ligação está concluída... Tenho a certeza que a maioria de vocês imagina a dor e a angústia de estar separado dos blogs, de não ter email e todo um mundo que assim se fecha ao fim de semana! ;)
Claro que o meu Pocket PC é que "paga as favas" ou melhor dizendo, quem paga é o saldo do meu telemóvel, que desce vertiginosamente!...

Aproveito este post para publicamente agradecer a presença de todos os novos visitantes (via Webcedário e não só...) e re-agradecer a permanência dos "habituées", que me blogalegram o dia!

Assim sendo, até Terça-feira e Viva o 25 de Abril!!!!

quinta-feira, abril 21, 2005

Webcedário



Isto é o que se chama "meter a pata em blog alheio"! ;)

segunda-feira, abril 18, 2005

Preciso de fazer dieta!

É longa a história que conta as minhas inúmeras tentativas de fazer dieta e, depois de emagrecer, manter-me sem engordar de novo. Eu não sou daquelas pessoas que, quando se enerva ou está preocupada, perde o apetite! Pelo contrário, tenho mais fome! Ao mesmo tempo sou um urso pachorento que, quando está tranquilo e sem grandes problemas... tem um enorme prazer em comer. Que farei da minha vida?!?! Tenho um roupeiro para gordo, outro para um pouco menos gordo e a roupa de pouco gordo só a usei uma ou duas vezes (no preciso momento em que acho que já tenho o peso certo e que o vou manter: por isso compro roupa que me sirva, porque a outra me está larga!)



Os meus amigos, essa minha fonte de inspiração, dizem-me sempre :"Temos que jantar juntos esta semana!" ou "Então hoje, que vens jantar connosco, é que te dá prá dieta?!?" ou ainda "Pedimos mais uma garrafa?".
É óbvio que "Pede o guloso para o desejoso!", sou facilmente tentável...

Também já pensei em fazer lipoaspiração ou colocar uma banda gástrica, mas sou apenas um gordo e os médicos só o aconselham aos realmente obesos. Não me apetece nada tomar medicamentos químicos e a maioria dos naturais são do género "Você vai emagrecer, não porque toma isto, mas porque obedece a todas as nossas indicações e conselhos, que nada têm que ver com o medicamento"!!!

Será que se emagrece com Reiki? Ginástica passiva? A obra completa dos Discursos do Fidel?

Ajudem-me!!!

terça-feira, abril 12, 2005

Vinho - V

Não é novidade para ninguém que, muitas das vezes, o consumidor opta por um vinho cujo rótulo seja apelativo e ignora ou despreza outro, devido a preconceitos ou ideias feitas relativamente à zona onde é produzido ou à adega de onde provém. Pensamos sempre que um vinho da zona do Bombarral ou do Cartaxo é um "carrascão" e veiculamos outros tantos mitos que apenas têm um ligeiríssimo fundo de verdade.
Quando me falaram na melhoria da qualidade que se verificava nos vinhos produzidos na Adega de Pegões, "torci um pouco o nariz" mas, como não resisto a "novas experiências" ;), resolvi mandar embora a "ideia feita" e dar(-me)-lhe uma oportunidade de mostrar o que valia.

É bom termos a noção de quanto estávamos errados, relativamente a qualquer assunto, desde que a surpresa seja para melhor...!

Assim sendo, convido-vos para provar o "Fontanário de Pegões".

O verdadeiro Fontanário


O Vinho Branco obtido a partir da casta Fernão Pires. Fresco e frutado, possui corpo e acidez equilibrada. Medalha de Prata no Challenge International du Vin De Bordéus -1997. Acompanha perfeitamente qualquer prato de peixe. (Prémio referente à colheita de 1996)

O Vinho Tinto, de casta Castelão/Periquita feito a partir de uvas vinificadas separadamente e estagiadas em meias pipas de carvalho nacional e francês. De acentuada cor, possui taninos leves mas persistentes. Medalha de Ouro no Challenge International du Vin de Bordéus - 1997. (Prémio referente à colheita de 1994)

Este vinho recebeu o "Prémio Melhor Compra 2003" (Revista de Vinhos). Comentário: "Fruto maduro de morango e cereja, toque de baunilha e ligeiro metálico. Bem na boca... estilo cremoso e suave, com alguns taninos aguerridos, termina ocm boa persistência. Um vinho bem focado."

O Enólogo João Paulo Martins refere que (este vinho tem) "bom rigor aromático para um vinho com poucas pretensões, fruta densa e concentrada. Redondo, envolvente na boca, é um tinto sem arestas, belo companheiro do quotidiano."

Preço: entre 3 e 4€

Boa prova!

segunda-feira, abril 04, 2005

QKC

*

O QKC (Queer Kard Club) chegou e já é uma referência para os "queer-cinéfilos"! Aberto a tod@s que gostem de cinema e que façam dele um bom tema para passar um bocado com @s amig@s, numa espécie de "queer-tertúlia". Não é necessário ter o King-Kard, mas ajuda muito! Sejam tod@s bem vindos!

*Banner concebido pelo Miguel e subvertido pelo Urso